Siguenos en la red:

FacebookFacebook TwitterTwitter Geosilex en LinkedIn

Selección de idioma: Español . Français . Português . English

anterior siguiente

8 Solicitações máximas

para um material de construção sustentável ideal

7. Cooperar com outros materiais de ação meio ambiental positiva com a maior eficiência de sua atividade.

Os gases que mais preocupam na atualidade são o CO2 e o NOx. Se os aditivos para concreto, disponíveis para combater estes gases, e TiO2 fotocatalítico (anatase), apresentassem alguma incompatibilidade, isso nos obrigaria a ter que optar por um deles, perdendo a ação contra o outro.


A catálise é o processo pelo qual se aumenta ou diminui a velocidade de uma reação química. Os catalisadores podem agir de duas maneiras, a primeira formando um composto intermédio e a segunda, absorção. Os que reduzem a velocidade da reação são chamados “catalisadores negativos” ou inibidores. Por sua vez, as substâncias que aumentam a atividade dos catalisadores são chamadas catalisadores positivos ou promotores, e as que os desativam são denominados venenos catalíticos.


Desde o começo da investigação sobre GeoSilex® foi introduzida a apelação de que ambos produtos e ambas ações foram compatíveis.

 

A adição do GeoSilex® nos concretos com TiO2 fotocatalítico não produz interferências no poder de oxidação do dióxido de titânio.

Foram feitos ensaios de misturas que incorporam GeoSilex®, cimento Portland, agregados silíceos e pozolanas (metacaulim e micro-esferas de sílica) às que se acrescentaram entre 0,3% e 15% em peso de dióxido de titânio fotocatalítico (anatase) com partículas nanométricas de tamanhos similares às do hidróxido de cálcio do GeoSilex® e comprovou-se uma boa ancoragem das partículas deste material no seio dos precipitados hidráulicos (aluminatos e silicatos de cálcio hidratados) produzidos, deixando expostas as partículas de titânio ao contato com o ar devido à permeabilidade que lhe concedem os poros presentes nas agregações.

As microanálises de EDX demonstram que as partículas de TiO2 encontram-se expostas na superfície dos poros, e ancoradas entre a massa de micropartículas cimentantes de silicatos e aluminatos cálcicos hidratados, e hidróxidos de cálcio e calcite, que formam uma matriz muito porosa.

No que se refere à eficácia deste sistema fotocatalítico, aplicável à captação mediante oxidação de gases poluentes tais como o NOx, é preciso destacar que a otimização da cal desenvolvida (GeoSilex®) oferece vantagens se  for aplicada junto com TiO2:

É importante sublinhar que ao garantir um pH muito básico, as partículas estarão totalmente carregadas negativamente, por tanto em princípio o TiO2 terá uma máxima capacidade de oxidar tanto o NOx como outras moléculas, ao evitar pela presença do GeoSliex que se produzam interferências com o poder de oxidação do óxido de titânio (ex: hidrocarbonetos policíclicos aromáticos fruto da incompleta combustão de derivados do petróleo).

 

Materiales para arquitectura activa frente al CO2

Mapa do site · Política de Privacidade · · Contato